Atendimento:
(17) 3281-1285
PROCEDIMENTOS

Pálpebras
Pálpebras - Procedimentos - Clnica Lopes Ferraz - Olmpia-SP

Bolsas Palpebrais
As pálpebras são estruturas muito delicadas e especializadas em suas funções de proteção,  oclusão e manutenção da lubrificação dos olhos. Por apresentar; a pálpebra, uma pele muito fina e frouxidão em suas ligações com as estruturas profundas, esta estrutura é uma das primeiras a sofrer com os sinais do envelhecimento. O aumento da idade acarreta nos tegumentos faciais uma série de alterações, ora simultâneas, ora progressivas, que consistem, especificamente na pálpebra, na presença de bolsas palpebrais. Isso ocorre, devido ao enfraquecimento das estruturas suspensoras anteriores da órbita (o músculo orbicular e o septo orbitário), possibilitando a protusão de gordura orbitária sob a forma de bolsas. Num grau inicial de envelhecimento, essas bolsas palpebrais podem estar presentes, sem flacidez e sem rugas, sendo devidas sobretudo à fatores hereditários, mas podem decorrer, também, de períodos de trabalho exaustivo, com esforço visual exacerbado e repouso insuficiente. Porém as bolsas palpebrais se manifestam mais comumente, associadas à flacidez das pálpebras. Uma vez presentes essas alterações, a indicação cirúrgica para sua correção é a blefaroplastia, ou, cirurgia plástica das pálpebras. Nesse procedimento cirúrgico, relativamente rápido, as bolsas palpebrais são tratadas com reposicionamento ou ressecções parciais e é removido o excesso de pele da pálpebra. Pode ser realizado com anestesia local, o pós-operatório é bastante simples, podendo a paciente retornar logo ao trabalho. A blefaroplastia é uma cirurgia muito apreciada pelas pacientes, pois possibilita a correção de um importante e estigmatizante marcador de envelhecimento que é a presença de bolsas palpebrais.

Blefaroplastia inferior - Cirurgia Plástica das Pálpebras Inferiores
Com a chegada à quinta ou sexta década de vida o envelhecimento das estruturas cutâneas;principalmente o fotoenvelhecimento (causados pela exposição solar), está inevitavelmente presente e com ele a flacidez, sendo que as estruturas mais frágeis e frouxas como as pálpebras inferiores são as que mais sofrem com esses efeitos. Com o envelhecimento ocorre uma flacidez e queda dos elementos de sustentação (ligamentos e septo) da pálpebra inferior levando a uma sobra de pele local e protusão das bolsas gordurosas (na pálpebra inferior em número de três) que dá um aspecto de desânimo, cansaço e fadiga, características não desejadas por nenhuma pessoa.

Em busca de uma face, principalmente um olhar (dizem alguns ser o portal para a alma) mais descansado, como após uma noite bem dormida, sem excessos ou abaulamentos de bolsas gordurosas, muitas pacientes tem se submetido à cirurgia plástica das pálpebras ineriores ou blefaroplastia inferior. Um procedimento cirúrgico relativamente rápido, que pode ser realizado com anestesia local e sedação, mas claro sempre em ambiente hospitalar. Nesse procedimento são corrigidos os excessos de pele e tratadas as bolsas gordurosas proeminentes. A cicatriz fica bem posicionada e camuflada justa à implantação dos cílios. É um procedimento que traz altos índices de satisfação por parte dos pacientes à ele submetidos.

Posicionamento do Supercílio
O olhar pode dizer muito sobre uma pessoa. A tristeza, a felicidade, a raiva, a ternura, enfim; inúmeros sentimentos são expressos através do olhar. É fator determinante nessas expressões o posicionamento do supercílio, principalmente no que diz respeito à posição de seu segmento lateral; também conhecido como cauda. Com o envelhecimento, uma série de mudanças ocorrem na face, e uma das mudanças de maior impacto é a que ocorre no posicionamento dos supercílios. Os supercílios são as molduras dos olhos, uma mulher jovem e bonita deve ter um supercílio com o formato de uma asa de gaivota, com o ponto de maior elevação seguindo uma linha que coincide com o limbo lateral dos olhos, o segmento medial ou cabeça do supercílio deve estar em uma altura semelhante ao segmento lateral ou cauda do supercílio.

Porém a frouxidão das estruturas causada pelo envelhecimento, leva á uma perda de sustentação do segmento lateral do supercílio; a cauda, que não é muito aderido às estruturas profundas; ocasionado uma migração da mesma para planos mais inferiores. Isso causará uma queda do ponto de maior altura do arco do supercílio, retificando essa estrutura e posicionando a mesma junto ao rebordo orbitário superior (borda óssea acima do olho). Esse posicionamento reto e baixo do supercílio masculiniza o olhar e traz a face uma impressão de cansada; brava.

Para corrigir esse defeitos e trazer novamente à face; mais especificamente ao olhar, um aspecto mais jovial, a Cirurgia Plástica possui dentro de seu arsenal terapêutico o Lifting Temporal. Esse procedimento cirúrgico reposiciona o supercílio trazendo harmonia a face uma vez que reestabelece as relações entre os segmentos dos supercílios e destes com as estruturas vizinhas. Pode ser realizado sob anestesia local, sendo uma cirurgia relativamente rápida. O pós operatório é bastante tranqüilo, podendo a paciente voltar às suas atividades rapidamente.

Cirurgia Plástica das Pálpebras (Blefaroplastia) Masculina
É muito comum nos dias atuais a procura dos homens por cirurgias plásticas. Eles perceberam, assim como as mulheres o fizeram a muito mais tempo, os benefícios inquestionáveis desses tipos de procedimento na conquista de um contorno corporal melhor, na busca da harmonia corporal e até no aumento da auto-estima. O procedimento mais procurado pelos homens ainda é a lipoaspiração, e dificilmente será superada em um futuro próximo, porém, uma cirurgia vem ganhando bastante destaque na última década, a blefaroplastia ou cirurgia plástica das pálpebras. Isso se deve a algumas mudanças, tais como, a valorização do belo; nunca nossa sociedade valorizou tanto a beleza como nos dias atuais, a melhoria nas técnicas e táticas operatórias que tornaram esse procedimento mais rápidos e com aspecto mais natural; pondo fim as faces estigmatizadas tão temidas pelos homens, e o mais importante; os homens estão vivendo mais e melhor.

Esse aumento da expectativa de viva masculina faz com que os homens busquem uma melhor qualidade de vida associada a ela. Dessa maneira a blefaroplastia, ao corrigir os excessos de pele, a redundância muscular e a protusão das bolsa gorduras, devolve a face masculina um aspecto mais tranqüilo, descansado. E quem não gostaria de melhorar sua imagem? Não é ótimo quando dizem que você aparenta ser mais novo? Pois bem, os homens estão em busca desses benefícios e a Cirurgia Plástica está pronta para ajudá-los, agregando qualidade à essa vida mais longa.

Na plástica das pálpebras é retirado somente o excesso de pele?
A blefaroplastia, conhecida como cirurgia plástica das pálpebras é um procedimento cirúrgico muito mais completo que apenas a ressecção (retirada) do excesso de pele local. O envelhecimento dessa região leva não somente à um excesso de pele nas pálpebras como também, à uma protusão (abaulamento) das bolsas de gordura e uma redundância da musculatura orbicular (músculo que circula os olhos), ambos presentes abaixo dessa pele. Dessa maneira, para se obter o resultado desejado de um olhar jovial e sem aquele aspecto cansado típico de uma idade mais avançada o tratamento cirúrgico deve abranger a correção de todas as alterações presentes e não apenas a pele. Assim, antes da cirurgia propriamente dita, os cuidados devem ser iniciados já durante a marcação da pele a ser ressecada (desenho sobre a pele da pálpebra que incluirá a pele a ser ressecada durante a cirurgia), essa marcação varia sua forma de acordo com a flacidez de pele presente e com o formato da região periocular, em harmonia com a posição das sombrancelhas.

Uma vez determinada a marcação, esse excesso de pele é retirado durante a cirurgia incluindo também o tratamento das bolsas gordurosas proeminentes, geralmente com ressecções parciais ou reposicionamento, a musculatura orbicular redundante também deverá ser corrigida por ressecções parciais ou manobras buscando sua retração. Sempre importante lembrar que o envelhecimento não é localizado e ocorre na face como um todo sendo assim, é muito comum associar a cirurgia plástica das pálpebras à uma cirurgia para o  lifting (elevação) das sombrancelhas, cuja porção mais lateral (sua cauda) costuma estar em uma posição mais baixa, ptosada, caída em relação a sua posição ideal acima do rebordo orbital; sendo necessário seu reposicionamento. Assim, a correta identificação das alterações causadas pelo envelhecimento e seu tratamento adequado durante o ato operatório trará ao paciente satisfação imediata, já nos primeiros dias de pós-operatório.

A parte lateral da minha sombrancelha esta muita baixa, me deixando com olhar entristecido que muito me incomoda, tem solução?
Tem solução sim. Com o passar dos anos, as estruturas da face devido ao envelhecimento, a ação da gravidade e a irradiação solar,  vão perdendo sua plasticidade, elasticidade e tensão, tendo como conseqüência natural a queda dessas estruturas para níveis mais inferiores. A intensidade dessa queda será determinada por fatores intrínsecos; orgânicos, referentes à qualidade desses tecidos, como por exemplo a quantidade de fibras colágenas e elásticas presentes na pele e por fatores extrínsecos como exposição ao sol, tabagismo. O fato é que, no que se refere à face, uma das primeiras estruturas à cair é o segmento lateral da sombrancelha (ou supercílio) por essa estrutura ter poucos pontos de ancoragem à estruturas profundas fixas ao contrário do que ocorre com seu segmento medial.

Essa queda (ptose) leva a um olhar entristecido, masculinizado (uma vez que sombrancelhas retas são uma característica  do fenótipo masculino), aumento das rugas perioculares laterais (pés de galinha) e peso sobre as pálpebras superiores. A solução para esse problema é a realização de uma cirurgia plástica de lifting (elevação) temporal, na qual o segmento lateral da sombrancelha (cauda da sombrancelha) é reposicionada para  sua posição ideal, 1 cm superior ao rebordo orbital superior (borda óssea presente abaixo da sombrancelha quando essa está em sua posição ideal) ,ficando dessa forma, a cauda da sombrancelha em posição mais alta que seu segmento medial dando à sombrancelha o aspecto de asa de gaivota, padrão de beleza para o fenótipo feminino. Esse procedimento cirúrgico é realizado com anestesia local e tem uma recuperação pós-operatória bastante rápida com resultados imediatos.